Liberdade é permitir-se decidir o que certos elementos parecem para você. Como é a paz para você? Está meditando ou sentado em silêncio? Ou é a alegria de permitir que seu corpo se mova na natureza? Está dirigindo no carro? Ou jardinagem?

O que amor significa para você? Como você expressa amor? Como você se sente amado? Como você se ama?

O que é cura para você? O que ser curado parece para você?

Com o que a conexão se parece ou é sentida com você? Como você expressa gratidão? Como você se alinha com a fonte? Quais são seus dons inatos e sua maneira preferida de servir?

Parte da confusão que tantos enfrentam quando embarcam em sua jornada de esclarecimento e iluminação são as muitas vozes que dizem que suas práticas ou serviço devem parecer de uma certa maneira. Sua maestria vem da conexão interior, desde encontrar a maneira preferida de iluminar sua divindade nos modos que combinam com sua expressão única da Fonte. Dê a si mesmo permissão para descobrir as melhores maneiras de incorporar os elementos essenciais da iluminação e estará servindo a si mesmo e ao todo à sua mais alta capacidade.

Arcanjo Gabriel através de  Shelley young
Traduzido por @Interconexão